Cisma da Igreja (2)

São Francisco de Sales: “Os inimigos declarados de Deus e da Igreja devem ser difamados tanto quanto se possa, desde que não se falte à verdade, sendo obra de caridade gritar: ‘Eis o lobo!’, quando está entre o rebanho ou em qualquer lugar onde seja encontrado” (Filotea ou Introdução à Vida Devota, parte III, cap. 28).

São Tomás de Aquino: “Levar os homens a verdade é o maior benefício que se pode prestar aos outros”.

A última prova

Para entender o Grande Cisma profetizado para o Fim dos Tempos, recordemos os parágrafos 675, 676 e 677 da Igreja Católica, que trata da última prova:

A ÚLTIMA PROVA DA IGREJA

675. Antes da vinda de Cristo, a Igreja deverá passar por uma prova final, que abalará a fé de numerosos crentes. A perseguição, que acompanha a sua peregrinação na Terra, porá a descoberto o «mistério da iniquidade», sob a forma duma impostura religiosa, que trará aos homens uma solução aparente para os seus problemas, à custa da apostasia da verdade. A suprema impostura religiosa é a do Anticristo, isto é, dum pseudo-messianismo em que o homem se glorifica a si mesmo, substituindo-se a Deus e ao Messias Encarnado.

676. Esta impostura anticrística já se esboça no mundo, sempre que se pretende realizar na história a esperança messiânica, que não pode consumar-se senão para além dela, através do juízo escatológico. A Igreja rejeitou esta falsificação do Reino futuro, mesmo na sua forma mitigada, sob o nome de milenarismo, e principalmente sob a forma política dum messianismo secularizado, «intrinsecamente perverso».

677. A Igreja não entrará na glória do Reino senão através dessa última Páscoa, em que seguirá o Senhor na sua morte e ressurreição. O Reino não se consumará, pois, por um triunfo histórico da Igreja segundo um progresso ascendente, mas por uma vitória de Deus sobre o último desencadear do mal, que fará descer do céu a sua Esposa. O triunfo de Deus sobre a revolta do mal tomará a forma de Juízo final, após o último abalo cósmico deste mundo passageiro.

http://www.vatican.va/archive/cathechism_po/index_new/p1s2cap2_422-682_po.html


As Aparições de Nossa Senhora e a perseguição das forças maçônicas da Igreja

Nossa Senhora de Akita, no Japão, revelou que a apostasia e a confusão se tornariam tão grande, que se chegaria ao ponto de se ver Cardeis contra Cardeais e Bispos contra Bispos, isto predito na década de 1980, e mais recentemente em uma mensagem extraordinária, se pediu para rezar o Santo Rosário penitentemente e se cobrir a cabeça com cinzas.

Nossa Senhora de Akita (1)

Nossa Senhora de Akita

Durante o século passado, houve muitas aparições de Nossa Senhora pelo mundo. Uma das suas apresentações que mais se repetiram foi o título de Nossa Senhora das Rosas, e foi com Verônica Lueken, Bayside, em Nova York, de meados de 1970 até 1990, que inúmeras mensagens denunciaram tudo o que se passou desde o Vaticano II até o que vemos hoje. Ela foi perseguida e condenada injustamente (muito por causa da infiltração de forças maçônicas na Igreja), assim como a Aparição de Nossa Senhora das Rosas de Heroldsbach – Alemanha, “Ó Maria, proteja-nos debaixo do teu manto azul, abrigo seguro nas ruínas”.

Nossa Senhora pediu explicitamente na Holanda, em 1945, a proclamação do Quinto Dogma Mariano, de Corredentora, Medianeira e Advogada. Ela disse que o momento era aquela hora, mas não aconteceu esta proclamação naquela época, por isso sua proclamação se faz necessária em nossos dias que são os últimos, pois dessa maneira, com a proclamação do Quinto Dogma Mariano, será derramada uma enorme chuva de graças sobre toda humanidade, e se dará a Maria toda poderosa, o poder de liderar seu exército na Batalha Final contra a Antiga Serpente Infernal.

As Comunidades Religiosas de refúgios

As Comunidades Religiosas são de vital importância, no Final dos Tempos. Fazem parte da Vontade Divina, as Comunidades aonde leigos e o clero fieis, mantém e manterá firme uma autêntica fé católica, a verdadeira e tradicional Igreja e Fé Católica. São também Refúgios, para se afastar deste mundo que cada vez mais absorve o espírito do Anticristo. E estas Comunidades que busquem lugares isolados, pois as perseguições serão muito grandes e fazedoras de mártires por toda a parte. Saiam das grandes Cidades e Cidades Costeiras.

Nossa Senhora tem chamado, a seus filhos, a ter estas missões, de fundarem e manterem estas Comunidades fiéis, estes refúgios para o tempo da Grande Tribulação. Estes locais que terão uma proteção especial.

Apelo as pessoas, que ajudem estas Comunidades e se unam a elas com verdadeira intenção de fazer parte da obra de Deus, tantos gastam e investem em acumular bens matérias em uma busca frenética e escrava de coisas passageiras, mas sem verdadeiro valor, então participem desta importante obra, está que será uma das últimas ações pastorais da Igreja Católica verdadeira, para escapar da Nova Ordem Mundial e da contra-Igreja.

Bergoglio é o representante da Maçonaria Eclesiástica e o Falso Profeta do Apocalipse

“Vi (sair) da boca do Dragão, da boca da Fera e da boca do falso profeta três espíritos imundos semelhantes a rãs” (Apocalipse 16,13).

Bergoglio, aliás “Papa Francisco” é um Antipapa e é, principalmente, o Falso Profeta do Apocalipse 13:11. Ele foi elevado ao Papado com o auxílio da Máfia Maçônica Eclesiástica de Saint Gallen (Máfia de São Galo), que já agia desde meados de 1980 e já tinha tentado infiltrá-lo no Papado em 2005, e por fazerem campanha para elegê-lo em 2013 já em si invalidaria sua eleição.

Bento XVI (Cardeal Joseph Ratzinger), é o verdadeiro Papa, pois ele nunca renunciou ao Múnus Petrino, mas sim apenas à administração/governança da Igreja, e sua inválida renúncia foi motivada, por pressões que incluíam até mesmo ameaça de morte, e por trás disso estavam envolvidos o ex-presidente dos EUA Barack Obama, Hillary Clinton e George Soros, a esquerda internacional, e a maçonaria. Bento XVI vive como em uma prisão no Vaticano, estando cercado por inimigos e pouquíssimos amigos e precisa de nossas orações, para poder suportar esta pesada Cruz, este Calvário e poder cumprir sua missão.

Já Bergoglio é um Blasfemo, um Herege público, que em Evangelii Gaudium traça o plano de destruição da estrutura da Igreja Católica, demolindo ela por dentro, e junto às demais religiões que serão todas englobadas na Nova Igreja/Religião totalmente Ecumênica do Anticristo. Com Amoris Laetitia sua máscara de Antipapa caiu de vez, defendo o ensino herético de comunhão para recasados, na modificação dos Sacramentos e evolução dos Dogmas (Secularismo). Apesar de os Sacramentos ainda serem válidos (nota: mas serão modificados e invalidados), a Igreja de Bergoglio não é mais católica, ela tem aparência de ser, mas é a Falsa Igreja Católica profetizada para o fim dos tempos.

Dom Fulton Sheen descreveu com grande precisão como é a Falsa Igreja Católica e o Falso Profeta que seria um Bispo, e se enquadra perfeitamente em Bergoglio e sua Falsa Igreja Católica. Bergoglio é o produto final do engodo maçônico do Vaticano II. Bergoglio aparenta exteriormente uma falsa humildade e simplicidade, mas na realidade é um humanista, que não se importa com a Verdade Eterna de Deus, ele que é o precursor do Anticristo, e como São João Batista preparou o caminho de Nosso Senhor Jesus Cristo, Bergoglio prepara o do Anticristo.

Fulton J. Sheen (2)

Dom Fulton Sheen: “Haverá uma falsa igreja. E o falso profeta vai criar uma outra. A falsa igreja é mundana, ecumênica e global. Vai ser uma federação de igrejas”.

E Bergoglio por suas ações levará a um Grande Cisma (nota: que conforme as profecias 2/3 dos católicos seguiram a Falsa Igreja) visível para todo o mundo, e Cardeais, como Viganò, Burke, Muller e Sarah, e o Bispo Dom Athanasius Schneider, entre outros, já tem um discurso conservador de defesa da Santa Igreja contra as falsas doutrinas que estão sendo disseminadas por Bergoglio. Temos outros Sacerdotes e Religiosos corajosos, como Dom Alessandro Maria Minutella, e o Padre Paulo Renato Dornelles (fundador da Comunidade Kyria, exemplo de Comunidade/Refúgio Católico Tradicional), entre outros, que por defenderem a verdadeira Igreja Católica e denunciarem a Falsa Igreja Católica e o Falso Profeta, receberam “excomunhões” que são totalmente inválidas. Na realidade, os excomungados são Bergoglio e aqueles que aprovam e apoiam suas decisões e heresias, o fechamento de congregações tradicionais e conservadoras, e a perseguição aos verdadeiramente católicos.

Dom Alessandro Maria Minutella (1)

Dom Alessandro Maria Minutella, “excomungado” por defender a Verdade da Igreja contra as falsas doutrinas de Bergoglio (“Papa Francisco”). Fundou a comunidade católica Pequena Nazaré.

Bergoglio é comunista e membro do Rotary Club, e, como sendo o Falso Profeta, tem grande poder de enganação, que com suas palavras, profere heresias às vezes, e depois fala meias-verdades e palavras belas, tudo isto para enganar o máximo possível de almas. O Vaticano, sob seu controle, entregou os católicos chineses ao Governo Comunista, e vem assinando inúmeros documentos com as diversas religiões pelo mundo, com protestantes, muçulmanos, budistas, entre outros.

O Sínodo da Amazônia, com o culto à deusa Pachamama no Vaticano, foi pura idolatria, sendo introduzido o paganismo dentro da Igreja, e é só o começo de horrores ainda maiores, que levarão ao final até a adoração ao culto satânico e a adoração ao Anticristo, pois Nossa Senhora em La Salette, avisou: “Roma perderá a fé e se converterá na sede do Anticristo”. O Sínodo da Amazônia foi a porta de entrada para mudanças profundas dentro da doutrina bimilenar da Igreja, mas a Igreja de Bergoglio é a Falsa Igreja, pois a Verdadeira Igreja sempre será fiel, até o final.

Idolatria no Vaticano (1)

Culto pagão e idolátrico da Pachamama, no Vaticano, presidido por Bergoglio

Bergoglio, exercendo seu papel de Falso Profeta Apocalíptico, já marcou 3 pactos globais para o ano 2020, preparando o terreno para o Anticristo assumir: Economia para Março, Pacto Global da Educação para o dia 14 de Maio e o Pacto com todas as Religiões em Julho.

Se as pessoas vão à Santa Missa ainda hoje, em união a Bergoglio ou por amor à Santíssima Eucaristia, o importante é não irem mais quando invalidarem a Missa e a Santíssima Eucaristia; mas a Santa Missa e a Santíssima Eucaristia não deixará de existir, e só será celebrada pelos Sacerdotes fieis e em locais escondidos, pois a perseguição será muito grande. E neste momento e quando chegar a hora em que não tiver mais a Santa Missa e a Santíssima Eucaristia: “Ouvi outra voz do céu que dizia: Meu povo, sai de seu meio para que não participes de seus pecados e não tenhas parte nas suas pragas” (Apocalipse 18, 4).

Os hereges e traidores de Cristo, já dominaram as Igrejas, os Templos, mas nós que temos a fé verdadeira, permanecemos fieis ao Evangelho e ao Verdadeiro Magistério Imutável da Igreja. E com o aborto e a sodomia legalizados, a ira de Deus não tarda em punir esta humanidade rebelde. E as inúmeras blasfêmias como nunca antes contra Nosso Senhor Jesus Cristo, são todos sinais de que o Anticristo está a chegar.

Cardeal Giacomo Biffi (1)

Cardeal Giacomo Biffi: “O Anticristo se apresenta como pacifista, ecologista e ecumenista… Se o cristão, para abrir-se ao mundo e dialogar com todos, dilui o fato salvífico, fecha-se à relação pessoal com Jesus e se coloca do lado do Anticristo”.

O número do nome do Anticristo é 666. A trindade satânica é o Falso Profeta, o Anticristo e Lúcifer. A Nova Ordem Mundial, quer a Nova Era de Aquário, e sinaliza para o ano de 2023 um domínio total, mas fracassarão, pois somos a última geração e a Segunda Vinda do Senhor Jesus está próxima. Haverá a queda da Bolsa Econômica Mundial e o acirramento da Terceira Guerra Mundial, meteoros também cairão na Terra, e a Inversão dos Polos. O Anticristo virá como um salvador para uma humanidade arrasada. “Quando os homens disserem: ‘Paz e segurança!’, então repentinamente lhes sobrevirá a destruição, como as dores à mulher grávida. E não escaparão” (1 Tessalonicenses 5, 3).

E todos aqueles que seguirem Bergoglio até o final, vão junto com ele e o Anticristo para o Inferno. “Mas a Fera foi presa, e com ela o falso profeta, que realizara prodígios sob o seu controle, com os quais seduzira aqueles que tinham recebido o sinal da Fera e se tinham prostrado diante de sua imagem. Ambos foram lançados vivos no lago de fogo sulfuroso” (Apocalipse 19,20). “O Demônio, sedutor delas, foi lançado num lago de fogo e de enxofre, onde já estavam a Fera e o falso profeta, e onde serão atormentados, dia e noite, pelos séculos dos séculos” (Apocalipse 20, 10).

Exortações finais

“Não temais, pequeno rebanho, porque foi do agrado de vosso Pai dar-vos o Reino” (Lucas 12, 32).

“Fostes vós que permanecestes nas minhas tribulações. Eu, pois disponho do Reino a vosso favor, assim como meu Pai o dispôs ao meu favor” (Lucas 22, 28-29).

Sejamos fiéis à verdadeira e tradicional Igreja e Fé Católica até o final, respeitemos e guardemos os 10 mandamentos da lei de Deus, as virtudes, os Dogmas, vamos dar testemunho público de nossa fé, se necessário enfrentemos com a certeza da glória eterna a palma do martírio; e por Nosso Senhor Jesus Cristo, que é Deus e nosso Único e Verdadeiro Salvador, lutemos pela salvação do máximo possível de almas, e usemos a arma da oração, principalmente a do Santo Rosário (Terço).

Fazei de vossas casas pedacinhos do Céu, os vossos refúgios, e preparai-vos principalmente espiritualmente, pois mais importante que sobreviver à Grande Tribulação, é morrer na Graça de Deus, e meus irmãos, não tenham medo da maldade e perversidade dos homens que não tem a Deus, pelo contrário, rezemos por sua conversão, e saibam todos que o retorno de Nosso Senhor está próximo e o Reino Eterno de Deus é para os justos e todo homem de boa vontade, mas para os perversos, os cães, os espera o castigo eterno.

Persevera pequeno rebanho fiel em vossa linda fé, sem confusão, espera que o teu Deus está vindo em vosso socorro. Coragem, Nossa Senhora está conosco e nos ajudará nesta batalha final, e por fim seu Imaculado Coração Triunfará. Entoem o Ave Maris Stella e o Te Deum. Sejamos leais ao verdadeiro Papa Bento XVI, que ainda deve vir a enfrentar o Martírio e sejamos como ele almas expiadoras.

Todos as pessoas de todos os credos e tipos são chamadas à verdadeira e sincera conversão e de fazer parte do Corpo Místico de Cristo, da verdadeira e tradicional Igreja e Fé Católica e rumar em direção ao Céu, à vida eterna.