São Maximiliano Maria Kolbe (1)

Não há maior inimigo de Nossa Senhora do que o ecumenismo moderno: palavras e ensinamentos do sacerdote e mártir Maximiliano Kolbe.

São Maximiliano Maria Kolbe, Santo e Mártir da Santa Igreja, deixou-nos um escrito em 1933:

Não há maior inimigo da Imaculada e de sua Cavalaria do que o ecumenismo de hoje, que todo Cavaleiro deve não apenas lutar, mas também neutralizar por meio de ação diametralmente oposta e finalmente destruir”.

(Entrada do Diário de 23 de abril de 1933. Citado de The Immaculata Our Ideal, Padre Karl Stehlin [Varsóvia: Te Deum, 2005], p.37)

A missão que São Maximiliano confiou aos seus Cavaleiros da Imaculada foi a de converter o mundo inteiro à Igreja Católica. Ele disse:

“Somente até que todos os cismáticos e protestantes professem o Credo Católico com convicção, quando todos os judeus pedirem voluntariamente o Santo Batismo – somente então a Imaculada alcançará seus objetivos”. 

(Rycerz Niopokalenz , 4 (1922), p. 78. Citado de The Immaculata Our Ideal, padre Karl Stehlin [Varsóvia: Te Deum, 2005], p.37.)

Ainda seminarista em Roma, Maximiliano organizou a Milícia da Imaculada – um exército espiritual explicitamente fundado para combater o comunismo e a maçonaria, que estavam se firmando na Rússia e na Europa, para trabalhar pela conversão de pecadores e inimigos da Igreja Católica por meio da intercessão da Virgem Maria. São Maximiliano Kolbe profetizou:

“Um dia a bandeira da Imaculada Virgem Maria vai flutuar sobre o Kremlin (Rússia), mas primeiro a bandeira vermelha passará sobre o Vaticano”.

São Maximiliano Maria Kolbe (2)

“Aquele que ama a Imaculada obterá uma vitória segura no combate interior.” – São Maximiliano Kolbe

Anúncios